• 17 formas de melhorar os resultados de busca do seu website

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Ao observar os resultados de pesquisa nos motores de busca e o que os retalhistas podem fazer para garantir que as pesquisas dos utilizadores sejam bem sucedidas nos seus websites, Graham Charlton, chefe de redacção da ClickZ Global, compilou algumas soluções que ajudam a melhorar a classificação de um website. Vale a pena oferecer a melhor experiência aos visitantes.

Quem procura produtos ou serviços através de motores de busca, é mais propenso à compra.

1 – Filtrar a navegação

Absolutamente necessário. A menos que as pessoas pesquisem por um produto específico com um único número de modelo ou talvez um código de um catálogo, as pesquisas resultam em vários produtos similares.

Por exemplo, nesta pesquisa por uma “camisa vermelha” na House of Fraser, obtemos 810 correspondências. São muitas para o cliente visualizar.

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Por esse motivo, adicionar uma opção para filtrar produtos permite que os clientes refinem os resultados de pesquisa por preço, marca, análises e outros factores.

Isto poderia ajudar o cliente a descobrir um número de resultados gerível e capaz de corresponder aquilo pelo qual procura:

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Para receber a newsletter da Markedu, que inclui alertas para eventos, clique aqui.

2 – Ofereça termos de pesquisa e permita que as pessoas escolham

Muitos websites apagam os termos de pesquisa, depois de termos chegado à página de resultados, ou apresentam-nos de tal forma que não os podemos editar. Tal como a H&M:

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Deixar aqui um termo de pesquisa e torná-lo editável permite que os utilizadores incluam pesquisas com outras palavras ou que rapidamente corrijam muitos erros que possam ter cometido.

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

3 – Disponibilize resultados para outras informações além dos produtos

Apesar das pesquisas dos websites poderem ser conduzidas por produtos, os retalhistas devem pensar nos utilizadores que apenas procuram informação.

Aqui, a Boden mostra resultados sem produtos nos diferentes separadores. Esta é uma forma útil de separar a informação para pessoas com perfis diferentes.

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Workshop, Marsterclasses e Webinars sobre Marketing e Branding – Clique aqui para consultar a lista dos próximos eventos Markedu.

4 – Apresente análises (reviews)

As análises devem ser usadas à volta do website e posicionadas de modo a influenciar e a ajudar os clientes.

Mostrá-las nos resultados de pesquisa, ajuda os utilizadores a tomarem decisões mais rápidas e mais bem informadas sobre a adequação daquele produto em particular para as suas necessidades.

Neste caso, a Best Buy apresenta uma média dos resultados de análises nos resultados de pesquisa. Com tantos produtos parecidos, ajuda imenso.

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

5 – Permita a filtragem por análise de clientes

Para dar continuidade ao ponto anterior, entre uma vasta lista de filtros possíveis, a “Melhor Compra” também oferece a “Classificação do Cliente” como opção para filtrar produtos.

Esta solução permite que os utilizadores afastem rapidamente os produtos que tiverem pior classificação.

Outros Artigos:  A entregabilidade das minhas actividades de email marketing é péssima, e agora?

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

6 – Salpique o website com alguma social proof

Análises ao trabalho realizado podem ser incorporadas nos resultados de pesquisa, como faz o Booking.com.

A imagem que se segue, indica-nos que estes hóteis têm elevada procura, com pessoas presentes a fazerem reservas hoje.

É útil na medida em que diz ao utilizador que necessita de efectuar cedo a sua reserva de modo a garanti-la, podendo incentivá-lo a tomar uma decisão mais rápida.

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu websitePara receber a newsletter da Markedu, que inclui alertas para eventos, clique aqui.

7 – Permita que os utilizadores escolham o tipo de resultados

Algumas pessoas têm consciência sobre os preços e querem ver primeiro os produtos mais baratos, outras podem preferir conhecer os novos produtos em stock. Por isso, deixe-as ordenar os resultados de acordo com as suas preferências:

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

8 – Ofereça opções de visualização

Não existe uma resposta certa ou errada para apresentar os resultados de pesquisa. Quantos apresenta por página? Pagina os resultados ou apresenta-os na totalidade numa única página, grelha ou lista de visualização?

A resposta óbvia é deixar que os utilizadores escolham por si a forma como querem visualizar os resultados. A Macy’s disponibiliza muitas opções:

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

9 – Considere outras opções de visualização

Neste exemplo, a M&S permite que os utilizadores alternem entre diferentes tipos de imagens de produtos. Eles podem ver o produto isolado ou usado por um modelo.17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Workshop, Marsterclasses e Webinars sobre Marketing e Branding – Clique aqui para consultar a lista dos próximos eventos Markedu.

10 – Aprenda a lidar com os erros ortográficos

Os utilizadores podem cometer erros ortográficos quando escrevem termos de pesquisa. A melhor forma de lidar com o erro é antecipar o que o cliente quis dizer (sempre que possível) e oferecer-lhe resultados relevantes.

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

11 – Evite resultados nulos / finais mortos

Vai haver momentos onde não terá itens armazenados ou a pesquisa do cliente será imperceptível.

Nessas circunstâncias, ofereça algumas opções. A River Island oferece conselhos de pesquisa, depois mostra as pesquisas mais populares e os produtos novos.

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

12 – Considere a visualização rápida (quick view)

Muitos websites oferecem agora a opção de “rápida visualização” (quick view), como a Fossil:

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Esta possibilidade permite que os utilizadores cliquem e vejam pequenas versões da página de produto em modo overlay.

A intenção é a de poupar tempo e esforço aos utilizadores, que poderiam ter de clicar e sair muitas vezes de páginas de produtos completas.

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Para receber a newsletter da Markedu, que inclui alertas para eventos, clique aqui.

13 – Mostre diferentes visualizações com o mouseover

Esta é uma forma rápida para os utilizadores verem imagens alternativas dos produtos, nos resultados de pesquisa e nas páginas de categorias.

Wolf & Badger oferece um bom exemplo:17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Outros Artigos:  Previsões para o Email Marketing em 2018 [Infográfico]

14 – Aprenda com os dados

Os dados de pesquisa no seu website podem dizer-lhe muito sobre como é que as pessoas o utilizam, assim como indicam a sua performance. Esta informação pode ser usada para apresentar resultados.

Por exemplo, pode ver a profundidade de um clique. Ele pode indicar a relevância dos resultados de pesquisa do website e quão fundo vão os visitantes nesses resultados.

Se eles clicarem em 3 ou 4 resultados de pesquisa, isso quererá dizer que eles estão a ter dificuldades para encontrar o que procuram?

Workshop, Marsterclasses e Webinars sobre Marketing e Branding – Clique aqui para consultar a lista dos próximos eventos Markedu.

15 – Searchandising

Os dados também podem ser usados para indicar os produtos que mais vendem e, entre outros, as pesquisas mais populares, e podem ser usados para predefinir sugestões relevantes de produtos.

Isto traz-nos ao “searchandising”. Os retalhistas podem usar os resultados de pesquisa do website para dar maior proeminência aos itens mais populares ou recomendados, como a Curry faz:

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

16 – Ajuste as cores

Esta é outra funcionalidade que facilita a visualização de produtos nos resultados de pesquisa antes de clicar nas páginas de produto.

A Macy’s permite que quem pesquisa possa mudar a cor dos produtos que é apresentada nos resultados de pesquisa:

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

 17 – Experimente usar imagens maiores

As imagens de produto são importantes e por vezes as maiores resultam melhor.

A tendência é dos retalhistas apresentarem muitos produtos nos resultados de pesquisa usando imagens relativamente pequenas.

Contudo, imagens maiores podem ser mais eficazes ao permitirem que os utilizadores vejam mais detalhes dos produtos.

Um teste A/B de um website checo, demonstrou como é que isto pode funcionar. A versão “vencedora”, permitiu aumentar as vendas do produto em 9.46% – era a que tinha imagens de produto maiores.

17 dicas para melhorar os resultados de pesquisa no seu website

Conclusão

Uma boa pesquisa de website tem tudo a ver com relevância e em fazer o máximo possível para melhorar a experiência do utilizador.

Funcionalidades como a visualização rápida (quick view) e filtros eficazes, permitem que os utilizadores encontrem mais facilmente produtos sem muito trabalho.

A advertência é para que estas funcionalidades sejam testadas de modo a encontrar o melhor equilíbrio para o seu website. Alguns princípios são vastamente aplicáveis, mas o que funciona para um website, nem sempre funciona para outros. Por isso, teste sempre.

Se pretender ler este artigo na sua versão original (em inglês), clique aqui.

Gostou deste artigo? Se tiver alguma sugestão ou comentário, utilize a ferramenta de comentários desta página. Caso ainda não seja subscritor da newsletter da Markedu, pode fazê-lo aqui.

Partilhe o artigo com os seus amigos e colegas nas redes sociais

By | 2017-11-29T12:58:38+00:00 Maio 10th, 2016|E-commerce, Marketing Digital, Search Engine Optimization|

About the Author:

Como jornalista especializou-se em TI e Gestão, tendo escrito em diversas publicações desde o ano 2000. Foi correspondente do JN e da TSF em Paris.

Leave A Comment