• 7 Tendências para o marketing online em 2016

7 Tendências para o marketing online em 2016

No meio de tantas opções tecnológicas, que estratégia adoptar para o marketing online em 2016? Conheça algumas das tecnologias emergentes que podem ter impacto directo nos resultados do seu investimento.

Entre múltiplas análises e previsões sobre as tendências para o marketing online em 2016, a Markedu partilha as de Jayson DeMers, colaborador da Forbes.

As novidades anuais nas tecnologias de informação, nomeadamente no hardware e no software, as novas preferências dos seus utilizadores e o aparecimento de novas empresas, ditam mudanças profundas que podem ser adoptadas ou não pelas empresas de qualquer ponto do globo.

Segundo Jayson DeMers, colaborador da Forbes e CEO da AudienceBloom, “2016 vai ser um grande ano para o marketing online. Por um lado, devido à recente introdução e desenvolvimento de várias tecnologias no mercado, por outro, devido à forma como os utilizadores as vão adoptar”.

“Os primeiros a adoptarem as mudanças, são aqueles que se tornam mais apelativos para os novos mercados. Se os que já ocupavam posições de liderança o fizerem, cimentam as suas reputações de liderança nos seus sectores de actividade. Quem ignorar a mudança, fica para trás, por ter perdido uma oportunidade chave que permitiria manter a sua posição no mercado”, afirma Jayson DeMers.

Como consequência desta dinâmica, novas ofertas em áreas especializadas deverão conduzir ao nascimento de muitas empresas que vão querer responder à procura de novos serviços e soluções, o que também terá impacto no valor dos investimentos em marketing online.

1. Os video ads vão dominar

7 Tendências para o marketing online em 2016A primeira das sete tendências para o marketing online em 2016, são os video ads. Mesmo que os anúncios em vídeo não sejam novos, existem canais sociais como o YouTube dedicados ao alojamento de milhares de milhões de vídeos e plataformas de publicidade como o Bing já oferecem opções de vídeo aos anunciantes.

Nesta área, esperam-se ainda novidades em 2016, porque o Google está finalmente a entrar para o barco com a publicidade de vídeos in-SERP (search engine result pages).

O avanço do Google é um sinal de que os utilizadores estão a aceitar melhor os anúncios em vídeo no online e consoante esta tendência continuar, também se espera maior diversidade nos anúncios que, por sua vez, deverão surgir onde menos se espera. Sendo o Google proprietário do YouTube, as possibilidades são virtualmente infindáveis.

2. A indexação de Apps vai conduzir a uma explosão de Apps

Em 2016 vamos assistir ao aumento do número de empresários que vai ganhar consciência sobre as vantagens que se obtém na visibilidade online por se ter uma app dedicada. Um website optimizado para o mobile faz maravilhas junto dos utilizadores mobile, mas dentro em breve as apps vão começar a substitui-lo.

Outros Artigos:  Previsões para o Email Marketing em 2018 [Infográfico]

As apps podem fazer tudo o que um website faz, mas de forma mais intuitiva, conveniente e de mais fácil acesso para o visitante. Apesar de ainda estarmos a uns bons anos de distância do momento em que as apps vão substituir os websites como meio de comunicação, na perspectiva dos empresários, 2016 vai ser o ano pivot para a adopção de apps.

3. O mobile vai superar o desktop

2015 foi um grande ano para o mobile. O Google não só anunciou que o tráfego mobile ultrapassou o tráfego do desktop em 10 países , como também lançou uma actualização do algoritmo “Mobilegeddon” que penaliza websites não optimizados para mobile.

De acordo com o Google é perfeitamente aceitável ter apenas um website mobile sem versão desktop. Sozinho, não será o suficiente para promover o tráfego de desktop, mas a posição do Google é clara: o desvanecimento do tráfego em desktop significa que os investimentos vão ser centrados no marketing online para o mobile.

4. A realidade virtual vai ser integrada na comunicação

7 Tendências para o marketing online em 2016Outra das tendências para o marketing online em 2016 é a adopção da realidade virtual. Há dezenas de dispositivos diferentes de realidade virtual (RV) prontos a serem lançados nos próximos anos.

Alguns deles pertencem a aplicações específicas como os jogos de vídeo, entre outros que já se afiguram disponíveis para um uso generalizado. O Oculus Rift, que dizem ser o grande dispositivo de RV, está pronto para ser lançado no primeiro quadrimestre de 2016. Este e outros dispositivos vão introduzir um meio completamente novo na publicidade online. Este meio vai ser integrado com as plataformas de social media mais populares, canais de vídeo e outras formas de mensagens directas.

Há sempre a hipótese da RV ser uma moda passageira, mas há milhares de milhões de dólares de investimento prontos a apostar no contrário.

5. Os assistentes digitais vão ter um novo tipo de optimização

Assistentes Digitais 7 Tendências para o marketing online em 2016O search engine optimization (SEO) e a publicidade pay-per-click (PPC) são duas estratégias altamente populares para que os websites sejam vistos por milhares de novos visitantes. Mas o aumento de assistentes digitais está a conduzir a um novo tipo de optimização que faz com esta seja mais uma das tendências para o marketing online em 2016.

Outros Artigos:  Previsões para o Email Marketing em 2018 [Infográfico]

Assistentes digitais como o Siri ou o Cortana, utilizam motores de busca, mas apenas quando é necessário encontrar informação. A chave para optimizar neste novo suporte, é garantir que a informação sobre o seu negócio é facilmente acedida por estes assistentes.

6. Tecnologia wearable e Internet of Things (IoT)

Embora ainda não tenham o mesmo nível de desenvolvimento da realidade virtual, os dispositivos “smart” que poderemos usar, no vestuário, nas viaturas, em objectos diversos, devido à IoT, deverão começar a ganhar mais tracção em 2016.

Durante o ano de 2015 assistimos ao lançamento do Apple Watch, a primeira geração de relógios “smart”, mas mais relógios e dispositivos que podemos utilizar deverão surgir durante o próximo ano. Esses dispositivos vão mudar o panorama do marketing local e vão contribuir mais para esbater os conceitos de marketing “online” e marketing “real”.

7. A publicidade vai ser mais cara

A última tendência para o marketing online em 2016, envolve outro tipo de consideração. A concorrência no mundo do marketing online aumentou dramaticamente ao longo dos últimos anos. Em 2016 vai aumentar ainda mais.

Tal como a regra básica das leis da economia sugere, um aumento na procura é normalmente acompanhado por um aumento nos preços, portanto todos estes novos concorrentes no marketing online vão conduzir a um aumento dos preços.

Bem vistas as coisas, os anúncios online são bastante baratos, mas o aumento nos preços pode afastar algumas pequenas empresas do investimento em publicidade.

Estas sete tendências para o marketing online em 2016 não são as únicas a emergir ao longo do próximo ano, mas vão ser algumas das mais significativas.

Não existem garantias sobre quando é que elas se vão manifestar exactamente, pois muito será ditado pelas opções que os consumidores fizerem, mas vale a pena apostar nalgumas destas tecnologias e estratégias.

Este texto tem por base o artigo de Jayson DeMers publicado na Forbes. Para aceder à versão original, clique aqui.

Gostou deste artigo? Se tiver alguma sugestão ou comentário, utilize a ferramenta de comentários desta página. Caso ainda não seja subscritor da newsletter da Markedu, pode fazê-lo aqui.

Consulte a lista dos próximos eventos realizados pela Markedu e veja se algum dos nossos webinars, workshops ou masterclasses aborda este tema

Partilhe o artigo com os seus amigos e colegas nas redes sociais

By |2016-12-14T16:39:39+00:00Dezembro 1st, 2015|Marketing Digital|

About the Author:

Como jornalista especializou-se em TI e Gestão, tendo escrito em diversas publicações desde o ano 2000. Foi correspondente do JN e da TSF em Paris.

Leave A Comment

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.